13 setembro 2013

A eleita: Curiosidades #6

Para os curiosos de plantão ;)

  • Pansy Parkinson representa a garota que praticava bullying com J.K. Rowling;

  • A cena que Emma mais gostou de interpretar foi quando Hermione deu um soco em Draco, segundo ela, mostra o poder feminino;

  • Membros da Ordem da Fênix são os únicos bruxos capazes de se comunicar através de seu patrono;

  • Natalie McDonald, do livro Harry Potter e o Cálice de Fogo, foi uma pessoa real. Era uma garota de nove anos, residia em Toronto, no Canadá, e possuía leucemia. Ela escreveu uma carta a J.K. Rowling perguntando o que aconteceria em seguida nos livros de Harry Potter, pois não poderia viver o bastante para poder lê-los. J.K. respondeu à menina, mas esta faleceu um dia antes da chegada do e-mail. Em homenagem, J.K. tornou Natalie uma estudante do primeiro ano de Hogwarts, sendo escolhida pelo chapéu seletor a entrar para a Grifinória - casa dos corajosos. Mais tarde, quando J.K. foi ao Canadá em uma tour promocional de Harry Potter, visitou a família da menina;

  •  Harry Potter é o segundo livro mais vendido do mundo, perdendo apenas para a bíblia;

  • O fato de Remo Lupin ser um lobisomem e sofrer preconceito por isso é uma referência de J.K. à pessoas com AIDS;

  • Daniel Radcliffe estava tomando banho quando seu pai contou que ele fora escolhido para interpretar Harry Potter;

  • O único comensal da morte capaz de produzir um patrono era Severo Snape. Seu pensamento feliz era Lílian Potter.

P.S. Essas curiosidades foram tiradas das páginas: Oclumência, J. K. Rowling e seus fãs e Chapéu Seletor.

2 comentários:

  1. Gostaria de agradecer sua visitinha em meu skoob e dizer que adorei o seu cantinho, já estou te seguindo, poderia seguir o meu e curtir minha fanpage também ? Iria me ajudar bastante =]

    Ficarei no aguardo
    E obrigada viu? Espero que possamos ser muito amigas
    bjokas

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Quando vi a curiosidade da Natalie eu comecei a chorar!

    ResponderExcluir